Santa Luzia implementa diretrizes do Minas Livre Para Crescer

Santa Luzia implementa diretrizes do Minas Livre Para Crescer

Decreto municipal de liberdade econômica reduz burocracia e garante ambiente de negócios mais simples e próspero

Santa Luzia foi a primeira cidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte a adotar as medidas do Minas Livre Para Crescer, programa estratégico da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sede) que promove a liberdade econômica no estado. O objetivo é diminuir as burocracias e os custos para novos empreendimentos e, consequentemente, gerar mais emprego e renda para a população mineira.

A assinatura do decreto municipal aconteceu na manhã desta segunda-feira (10/5), no Centro Histórico do município. O evento contou com a presença do vice-governador Paulo Brant, do secretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, do deputado federal Diego Andrade e do prefeito municipal, Cristiano Xavier.

“Hoje, Santa Luzia dá mais um passo rumo ao fortalecimento do desenvolvimento econômico. A implementação das ações do Minas Livre Para Crescer consolida o ambiente de negócios, garante segurança jurídica e mostra que o setor público é amigo de quem gera emprego e renda”, ressaltou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio.

A simplificação do ambiente de negócios em Minas Gerais garante novos investimentos e ampliação de outros. Na gestão atual, já mais de R$ 120 bilhões atraídos de empresas privadas que seguem investindo no estado. Isso garante a geração de mais de 55 mil empregos diretos.

Simplificação

O vice-governador Paulo Brant reforçou que o papel do Minas Livre Para Crescer é ajudar a todos os empreendedores. “Muitas vezes, a empresa grande possui corpo técnico para auxiliar nas diversas demandas burocráticas implementadas pelo governo. Porém, para o pequeno, as amarras são fatais. Precisamos facilitar a vida do empreendedor, garantindo um estado mais livre e garantidor de novos negócios”, disse o vice-governador.

Santa Luzia iniciou a desburocratização, sendo o primeiro município a adotar as medidas do Minas Livre Para Crescer na região metropolitana. O decreto assegura o aumento da competitividade dos empreendimentos locais, atraindo investimentos, racionalizando e otimizando as atividades em nível municipal.

Interior

A cidade de Lagoa da Prata, no Centro-Oeste, realizou na semana passada o lançamento do Lagoa Livre Para Crescer. O município criou o próprio programa de liberdade econômica, se inspirando no governo estadual. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Lagoa da Prata, Rogério Corgosinho, o projeto irá abrir novos horizontes para o crescimento e geração de empregos no município: “Formamos uma rede de parceiros em prol do desenvolvimento local e com isso surgiu o Programa Lagoa Livre Para Crescer, que tem como objetivo tornar Lagoa da Prata uma cidade mais livre para se empreender e atrativa para se investir”, disse Corgosinho.

O Governo de Minas tem implementado agendas de liberdade econômica em todas as regiões do estado. Até o momento, 70 municípios foram contatados e familiarizados com o programa, dos quais 19 já estão com os textos dos decretos municipais avançados ou prontos para publicação. As cidades de Patos de Minas, no Alto Paranaíba, e de Campestre, no Sul, também já publicaram os decretos.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no google

ÚLTIMAS

Endereço

Belo Horizonte – Minas Gerais

Apolo Sites © 2021 | Todos os direitos reservados.